Page Nav

HIDE

Post/Page

Weather Location

Últimas Informações:

latest

Teosofia

A partir de diferentes fontes e práticas, que vão do esoterismo ao hinduísmo, a teosofia busca conhecer a divindade e elevar o espírito hum...

A partir de diferentes fontes e práticas, que vão do esoterismo ao hinduísmo, a teosofia busca conhecer a divindade e elevar o espírito humano até ela.
Teosofia é a denominação genérica dada a doutrinas que se caracterizam pela busca de um conhecimento de Deus e das coisas divinas a partir do aprofundamento da vida interior. Pretende obter tal conhecimento por via diferente daquela empregada pelos métodos racionalistas ou experimentais. Como sistema de pensamento sincrético reúne, com base no hinduísmo e budismo, todas as religiões, a filosofia e as ciências, mas sem desprezar as aspirações místicas que se estendem pelas ciências ocultas.
A meta da especulação e prática teosófica é, em última análise, a substituição de todas as religiões pela abertura de horizontes místicos inexplorados, de modo a formular novas regras de conduta. Propõe-se a dar, mediante o exercício ascético, a meditação etc., uma sabedoria na adoção da conduta de vida que permita pôr em ação forças secretas e ignoradas da natureza humana, no que difere da teologia.
Como grupo organizado, a Sociedade Teosófica foi fundada em 1875 por Helena Petrovna Blavatski e Henry Steel Olcott. Seus fundadores haviam praticado o ocultismo e o espiritismo e se propuseram a formular a síntese das verdades esotéricas — ocultas — de todas as religiões. Ambos mudaram-se para a Índia e estabeleceram a sede de sua ordem em Adyar, perto de Madras. Helena Blavatski publicou algumas obras, entre as quais Isis Unveiled (1877; Ísis desvelada), The Secret Doctrine (1888; A doutrina secreta) e The Key to Theosophy (1889; A chave da teosofia). Sua sucessora, Annie Besant, ao assumir a direção da Sociedade Teosófica, estimulou o renascimento dos valores do hinduísmo e proclamou Jiddu Krishnamurti como mestre universal.
O movimento teosófico atual praticamente identifica-se com a Sociedade Teosófica.
O grupo americano, dirigido por William Q. Judge, separou-se do círculo original e conheceu novas secessões. O ramo europeu da Sociedade Teosófica foi dirigido por Rudolf Steiner, que se aproximou do cristianismo e criou a antroposofia, teoria que defende a existência de um mundo espiritual apenas acessível às faculdades superiores do conhecimento latentes em todo homem.
No Brasil, os teosofistas estão divididos em dois grupos: a Sociedade Teosófica do Brasil, fundada em 1919 e filiada à Sociedade Teosófica Mundial e a Sociedade Teosófica Brasileira, criada em 1921, com sede em São Lourenço MG.
Fonte:©Encyclopaedia Britannica do Brasil Publicações Ltda. 

Nenhum comentário